+55 (21) 2505-9393
+55 (21) 99731-6528
contato@acpdbrasil.com

Tag: STJ

Conformidade, Proteção e Privacidade de Dados

Acreditacao

A ACPD deu importante passo para as certificações na NBR ISO/IEC 27701

A ACPD como pioneira no mercado brasileiro, deu um passo importante para certificações fundamentadas na norma ABNT NBR ISO/IEC 27701:2019. É com grande satisfação que anunciamos que a ACPD Brasil,…
Read more

Hospital Israelita Albert Eisntein

O que você pode aprender com os últimos vazamentos de dados pessoais que envolveram o Ministério da Saúde, tomando como base a LGPD e as boas práticas internacionais?

Escrever uma notícia sobre um vazamento de dados em uma organização já é algo desconfortável. Escrever uma notícia, que será dividida em duas partes, consolidando dois incidentes de privacidade, na mesma organização, beira a incredulidade. Um envolveu os dados de cerca de 16 milhões de cidadãos brasileiros; o outro, de 200 milhões. Cada dia que passa a nossa Sociedade vem tendo mais e mais contato com notícias parecidas. Cabe a nós concordarmos que não devemos nos acostumar com essas violações e precisamos, em caráter de urgência, tomar ações para mitigar esses acontecimentos.

NBR 27701:2019

Erros que talvez a sua organização esteja cometendo com relação à LGPD

A norma NBR 27701 é aplicável a todos os tipos e tamanhos de organizações, sejam estas públicas ou privadas, com ou sem fins lucrativos. Com o fim da vacatio legis da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), Lei nº 13.709/2018, em setembro deste ano, as organizações passaram a ter obrigações que deverão ser cumpridas a fim de estarem em compliance com a LGPD.

Ransomware

O que o ciberataque ao STJ tem a ver com você?

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) ficou sem acesso aos seus sistemas após um ciberataque de grandes proporções, sem precedentes, no dia 03 deste mês. O incidente ocasionou parada total dos sistemas internos, cancelamento de sessões virtuais, julgamentos e processos em andamento, além da perda de notas de alunos de cursos deste tribunal. Este foi mais um caso em que um ransomware foi utilizado para que cibercriminosos pudessem obter vantagens financeiras sobre organizações, sejam elas públicas ou privadas. O caso está sendo investigado pela Polícia Federal. Segundo o ministro Humberto Martins, o tribunal envia diariamente informações para a Polícia Federal.